Sobre o Sal, Sódio e como encontrar um equilíbrio

Setembro 10, 2018by orinam0
sal-1280x490.png

Sal e Sódio são duas coisas diferentes.

O sal que consumimos é, na verdade, uma combinação de sódio e cloreto, em percentagens de aproximadamente 40% e 60%. O sódio tem um papel muito importante nas funções biológicas do corpo humano.

Em conjunto com o potássio:

  • Mantém o chamado equilíbrio ácido/alcalino
  • Mantém o sistema nervoso e muscular a funcionar corretamente.
  • Suporta a produção de ácido clorídrico no estômago.
  • É utilizado durante o transporte de aminoácidos do intestino para o sangue.

Do excesso de sódio pode resultar um aumento da circulação sanguínea e uma subida da pressão arterial, especialmente se os rins estiverem a funcionar de forma ineficiente, sendo  incapazes de eliminá-lo eficientemente. Pessoas que têm uma alta ingestão de sal, especialmente quando há um nível relativamente baixo de potássio na dieta para neutralizá-lo, estão mais susceptíveis a problemas de hipertensão e, no caso das mulheres, a problemas pré-menstruais.

Como saber qual a quantidade de sódio que deve ser consumida por dia?

Embora não exista uma recomendação-padrão da relação entre sódio e potássio, a melhor forma de atingir o equilíbrio é através de uma alimentação equilibrada, rica em alimentos integrais. Praticamente todos os alimentos vegetais ​​contêm mais potássio do que sódio: grãos, frutas e legumes, especialmente os de folha verde.

A maioria dos especialistas em nutrição concorda que a ingestão diária de sódio não deve exceder 2 gramas por dia, quantidade equivalente a 5 gramas de sal/1 colher de chá.

Para evitar o consumo excessivo de sódio, altere o sal que utiliza habitualmente para sal marinho integral ou flor de sal – com esta mudança irá fornecer minerais de qualidade ao seu organismo – e limite o consumo de alimentos processados. O sódio espreita em alguns lugares muito inesperados, por isso leia sempre os rótulos!
Sónia

orinam

Scroll Up